Inevitalvelmente Poesia VIII

Angulada nos olhos da tua língua
Curvada no néon dos teus dedos
Da tua vontade e de ti
Com o coração seco e em sede de ti
Da cor suspensa que as tuas mãos me prometem
Uma saia e losangos
Na caixa de música
Nos gritos que abafo no teu cabelo
Na pele que tu me entras agora

elasdoavesso.com

 

#ElasDoAvesso

 

P.S.: PARTILHA, POR FAVOR:) AJUDA-NOS A CRESCER #ELAS, NÓS TODAS AGRADECEMOS MUITO 🙂 OBRIGADA POR ESTARES CONNOSCO!

P.S.2: AH! SE PUDER SER, COM A HASHTAG #ELASDOAVESSO QUE NÓS SOMOS BUÉ MODERNAS

RECEBE A NEWSLETTER D‘ELAS DO AVESSO AQUI

Partilhar
0

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *