«Sou» do tipo

Sou do tipo de pessoa que para tudo o que está a fazer para viver, sentir com mais força, tudo o que a visita… Sou do tipo de pessoa que não pode esperar pelo dia seguinte para ir comprar o bilhete da banda preferida da adolescência… sou do tipo de pessoa que se deixa levar… que chora, porque tem de chorar… que abraça com amor – sem saudosismo, o amor basta, basta sempre – os olhos revisitados dos 16 anos… quando achávamos que sabíamos tudo e, afinal, estávamos tão longe da verdade… ainda estamos… mas, agora, sabemos que estamos… isso muda tudo.
Sou do tipo de pessoa que procura o passado, que o olha de frente, principalmente o mais feio, o que mete mais medo… o que magoa… o que cala, o que faz olhar para o lado… sou do tipo de pessoa que gosta de olhar para ele, de se sentar com ele… de o pôr à luz e de ver que, afinal, está tudo bem, que tudo é tão bonito, porque foi, porque foi assim lá atrás… é por isso que as bandas da adolescência e a música são tão importantes… porque criam elos insuspeitados, inevitáveis, inseparáveis e, sobretudo, inextricavelmente nossos… Chamam-nos de novo, com amor, onde não queríamos ir… para onde não queríamos olhar… e mostram-nos que, afinal, está tudo bem e foi bom – porque eu também preciso de música para perdoar, seja lá o que isso for.
Sou do tipo de pessoa que acha mais importante chorar, parar o mundo, para se ouvir… para saber que monstros há por abraçar… porque eu abraço os meus monstros todos… são eles que me salvam… são eles que me mostram que, afinal, está tudo bem no sótão e entra luz. E já nem importa se tenho bilhete ou não… o que importa é que eu me salvei, mais um bocadinho… me pus ao ar, como a roupa branca que dança com o sol nas cordas da eira onde eu brincava.
Vimos aqui para agradecer por todos os “males”… foram eles que nos trouxeram para a luz, foram eles que nos mostraram, mais um bocadinho que seja, quem somos e que, afinal, somos bonitos, somos frágeis, mas somos perfeitos, porque nos deixamos ser… porque paramos de estudar, de trabalhar, de pensar, para dar a cara ao sol, deixar que ele nos lamba o sal da cara, e sermos mais livres, mais um bocadinho.

Sou do tipo de pessoa a quem lhe interessa mais a visceralidade do que a literatura. A literatura salva-nos, mas não nos pode comandar. A literatura é um caminho para ser, mas não é, não pode ser, quem somos. É por isso que eu, às vezes, escrevo com a mais fina arte literária que consigo e nem sempre digo muito… e, outras vezes, eu escrevo sem literatura nenhuma, a metafísica das palavras, eu escrevo seco e como sai, e sai-me tudo. E, no fim, respiro no branco e isso deve ser a verdade.

#ElasDoAvesso

P.s.: By the way «It’s amazing when with a blink of eye, you finally see the light» in Amazing, by Aerosmith.

P.S.: PARTILHA, POR FAVOR:) AJUDA-NOS A CRESCER #ELAS, NÓS TODAS AGRADECEMOS MUITO 🙂 OBRIGADA POR ESTARES CONNOSCO!

P.S.2: AH! SE PUDER SER, COM A HASHTAG #ELASDOAVESSO QUE NÓS SOMOS BUÉ MODERNAS

RECEBE A NEWSLETTER D‘ELAS DO AVESSO AQUI

Partilhar
0

20 thoughts on “«Sou» do tipo

  1. cheap-rx.com says:

    I really like your blog.. very nice colors & theme.
    Did you make this website yourself or did you hire someone to
    do it for you? Plz respond as I’m looking to construct my
    own blog and would like to find out where u got this from. thanks

  2. viabestbuy.com safe says:

    Excellent goods from you, man. I have understand your
    stuff previous to and you are just extremely fantastic.
    I actually like what you have acquired here, certainly like what you are stating and
    the way in which you say it. You make it enjoyable
    and you still care for to keep it sensible. I cant wait to read
    much more from you. This is actually a great site.

  3. sunrx.net review says:

    May I just say what a comfort to uncover an individual who really understands what they are talking about on the internet.
    You actually know how to bring a problem to light and make it important.
    A lot more people really need to check this out and understand this side of
    your story. I was surprised that you’re not more popular given that you definitely have the gift.

  4. Allday says:

    Having read this I believed it was very informative.
    I appreciate you taking the time and effort to put this article together.
    I once again find myself personally spending a lot of time
    both reading and posting comments. But so what, it was still worthwhile!

  5. privatepharmacy.net says:

    Write more, thats all I have to say. Literally, it seems as though you relied
    on the video to make your point. You definitely know what youre talking about,
    why throw away your intelligence on just posting videos to your
    weblog when you could be giving us something enlightening to
    read?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *