Peço para me acontecer

Que eu me aconteça, vezes sem conta… que eu nasça de mim, que eu me permita nascer-me. Mesmo que o coração revolva. Esta sou eu, ou talvez não seja nada… nua e a sangrar, num florir que samba… na voz, nas cores e nas palavras. Prazer, #Elas está de volta. Mas nova. Não sei quem é. Mas sei que Sou.

Até breve!

#ElasDoAvesso

 

Partilhar
error0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *